Classes 420 e Snipe já têm seus campeões brasileiros

Por Rogério Sampaio

O campeão brasileiro da classe 420 só foi conhecido na última regata realizada na tarde sábado, dia 26, no Clube Veleiros do Sul em Porto Alegre. A dupla Leonardo Lombardi e Pietro Geronimi , do  Iate Clube do Rio de Janeiro, foi a vencedora e em segundo lugar ficaram Bernardo Peixoto e Marcos Arndt, do Yatch Clube da Bahia.

No feminino também foi pegada a disputa entre as campeãs Marina da Fonte, do Cabanga Iate Clube (PE) e Marina Arndt, Yatch Clube da Bahia  e as segundas colocadas, Fernanda Peixoto, Yatch Clube da Bahia  e Bruna Di Croce, Yatch Clube Santo amaro (SP).

Candangos na raia

A vela de Brasília também dez bonito, colocando duas duplas entre os Top Ten. No masculino, Lucas de Almeida  e João Duarte, do Iate Clube de Brasília – ICB,  ficaram com o 10º lugar geral e  Marina Garrido, ICB e Ana Dias, YCB, ficaram com a 9ª colocação geral, além do 3º lugar no feminino

O Brasileiro de 420 teve a participação de 21 barcos do RS, SP, DF, RJ, BA e PE, e aconteceu entre os dias  20 e 26. O Comodoro Cícero Hartmann abriu a cerimônia de entrega de prêmios e convidou o presidente da CBVela, Marco Aurélio de Sá Ribeiro para falar aos velejadores.

O dirigente veio acompanhar a final do campeonato e agradeceu o empenho dos competidores e clubes na participação do evento que reúne a Vela Jovem. “Vocês são muito importantes porque são o futuro da vela”, disse Marc o Aurélio.

Brasileiro de Snipe

Quase que paralelamente ao brasileiro da Classe 420, também foi realizado, pelo Yatch Clube Paulista, na represa de Guarapiranga, o Campeonato da Classe Snipe, com a participação de 79 barcos de vários estado do País.

A dupla vencedora foi formada pelo multicampeão da Classe, Alexandre Paradeda, da Escola de Vela de Ilhabela (SP) e Gabriel Kieling, do Clube dos Jangadeiros (RS). Em segundo lugar, apareceu a dupla formada por Bruno Betlhem  e Rodrigo Lins, do Iate Clube do RJ. Fechando o pódio veio a dupla Roberto Paradeda e Lucas Mazim, do Clube dos Jangadeiros (RS).

Mantendo a tradição na Classe Snipe, o velejador do Iate Clube de Brasília, Felipe Rondina, que já foi vice-campeão mundial júnior e bicampeão sul-almericano e brasileiro júnior,  nesse ano correndo na classe geral, em dupla com o velejador Tiago Brito, do CDJ, fez bonito e conquistou a 6ª colocação.

 Velejadores João Duarte e Lucas de Almeida

Velejadoras Marina Garrido e Ana Dias

Velejador Felipe Rondina

28 de janeiro de 2019