Paula Belmonte debate sobre escolas militarizadas

A deputada federal Paula Belmonte (Cidadania-DF) convocou audiência pública para debater a gestão compartilhada de escolas públicas em todo o País. No DF, desde o início do ano letivo, quatro unidades escolares são geridas pela Secretaria de Educação, mas contam com a presença de policiais militares para colaborar com a disciplina dos alunos.

A audiência pública será realizada na próxima quinta-feira, 9 de maio, às 9h30, no Anexo II, Plenário 8, da Câmara dos Deputados e contará com a presença de especialistas em educação e membros da sociedade civil. O encontro propõe esclarecer dúvidas sobre o novo modelo de gestão.

Em entrevista à Rádio Câmara, Paula Belmonte falou sobre o tema: “É importante salientar que nenhum aluno foi obrigado a frequentar essas escolas, os pais escolheram que seus filhos estudassem ali”. Sobre a polêmica em torno do tema, a parlamentar disse: “Visitei escolas que contam com a presença de policiais e os resultados disciplinares são notáveis”.

Experiência
No país, há cerca de 120 escolas cívico-militares, 60 em Goiás, um método adotado, também, como forma de combater a violência nas cidades brasileiras, garantindo a segurança de alunos e professores, e prevenindo o tráfico de drogas nas escolas ou em suas proximidades.

Para Paula Belmonte, a questão da educação é urgente. Não há como vislumbrar um futuro melhor para o Brasil sem, priorizar a educação. “Temos que nos unir, governo e sociedade, para traçar políticas públicas voltadas às crianças e jovens do nosso país. Investir na educação, hoje, é evitar que problemas ocorram no futuro”, ressalta.

O debate contará, também, com a participação de representantes da Subsecretaria de Fomento às Escolas Cívico-Militares, da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação, do Conselho Nacional de Secretários de Educação, membros do Todos Pela Educação, e cidadãos em geral.

Serviço
Audiência Pública sobre escolas cívico-militares
Local: Câmara dos Deputados
Horário: 9h30
Anexo II, Plenário 8

Com informações da assessoria de imprensa da deputada federal Paula Belmonte 

7 de maio de 2019