Pitiman diz a amigos que não está fora do jogo

Deputado Luiz Pitiman

Quarto colocado na disputa pelo Palácio do Buriti em 2014, o empresário e ex-deputado federal Luiz Pitiman até agora não é lembrado nas rodas de apostas de candidaturas majoritárias agora em 2018. Se não teve um bom desempenho nas urnas – ficou em quarto lugar com 4,46 por cento dos votos – Pitiman conseguiu deixar a marca de boa presença nos debates de televisão dos quais participou, principalmente por ser um estreante em eleição majoritária.

Desde então Pitiman optou por praticamente sair da cena política local, inclusive afastando-se do PSDB, partido pelo qual disputou o GDF. Diante do quadro de total indefinição das candidaturas majoritárias em 2018, Pitiman foi recentemente provocado por um grupo de amigos sobre a possibilidade de voltar a disputar uma eleição. Não disse nem que sim nem não. Na prática, Pitiman acredita que tem cacife eleitoral para compor uma chapa, não necessariamente como o cabeça.

Tem na ponta da língua os argumentos: “ fiquei três anos fora, nesse período ninguém ouviu meu nome em nenhum escândalo, seja da época que fui secretário, seja como deputado federal. Também não falei mal de ninguém, não criei inimigos e até fortaleci antigas amizades”.

Atualmente sem partido, Pitiman sempre foi muito próximo do ex-vice-governador Tadeu Filippelli, de quem se afastou quando decidiu fazer oposição ao governo petista de Agnelo Queiroz, do qual Filippelli fazia parte. Hoje Pitiman diz que tem uma relação com Filippelli até melhor que antes, mas não parece disposto a voltar para o PMDB, que no DF tem o ex-vice-governador como principal cacique. Mas garante que não faltam opções, inclusive em partidos com verniz de renovação, mesmo que seja apenas com a mudança de nome.

Recolhido desde o final do ano passado em seu apartamento na praia de Guarapari, no Espírito Santo – onde tem negócios imobiliários – Pitiman repete a amigos por telefone o mesmo bordão que usou antes de lançar oficialmente sua candidatura ao GDF em 2014. “Estou de chuteiras e pronto para entrar em campo”. Se será convocado, só o tempo dirá.

9 de Janeiro de 2018


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*