Portugo: casa especializada em doces portugueses chega à Asa Sul

Com o famoso pastel de nata como carro-chefe, espaço oferece iguarias doces e salgadas e serve almoço aos finais de semana

É uma casa portuguesa, com certeza”. Este é, certamente, o pensamento de quem passa pelo comércio da 302 Sul e conhece o Portugo, espaço especializado em doces lusitanos inaugurado em outubro. O responsável pelo empreendimento é o português Hugo Laurentino, o qual o nome, misturado ao apelido de “Portuga”, originou o Portugo que dá nome ao empreendimento.

Após um ano produzindo os doces em casa e vendendo por delivery, Hugo decidiu abrir o primeiro ponto. O carro-chefe da casa é, sem dúvidas, o pastel de nata, também conhecido como pastel de Belém. “Ele tem que ser feito todos os dias. Não pode passar disso, nem muito menos ser congelado. Aqui, se não vendemos, levamos para casa ou compartilhamos com os funcionários”, garante. Além disso, a qualidade dos insumos e seguir a receita são coisas essenciais. “A receita é toda medidinha. Depois que acertei, nunca mais mexi em nada”, conta o empreendedor, que vende cerca de 500 pastéis por dia.

O ambiente, que é pet friendly, tem a simplicidade convidativa que, de acordo com Hugo, a legítima casa de um português deveria ter. “Quero que qualquer pessoa se sinta a vontade para sentar aqui”, justifica. Em meio à décor minimalista, quadrinhos com a tradução de frases em português de Portugal roubam a cena.

O cardápio também conta com outras opções de doces portugueses, como o pescoço de freira, ovos moles e pudim de vinho do porto. Aos finais de semana, também é servido um almoço tipicamente luso, com pratos que vão do bacalhau a lagareiro (R$47) a arroz de pato à portuguesa (R$42). Durante a semana, estes dois pratos também podem ser encomendados.

Além do pastel tradicional, há outras seis variações doces e salgadas do quitute, que são vendidas a R$7,50: pastel de creme de amêndoas, pastel de Nutella, Chocotugo (pastel com brigadeiro, nibs e flor de sal), e até mesmo o pastel de bacalhau. O menu também conta com parcerias, como o Pasteta, pastel feito com queijo do Teta Cheese Bar, e o Portugônia, que é coberto com uma generosa camada do doce de leite Dulce Patagônia. Segundo Hugo, mais parcerias estão por vir, sempre valorizando empresas locais.

21 de novembro de 2019


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*