Posse presidencial terá segurança reforçada

Por volta das 14hs do dia 1º janeiro, Jair Bolsonaro (PSL) deixa a Granja do Torto para iniciar a cerimônia que o empossará como 38º presidente da República Federativa do Brasil. Cercada por polêmicas, a posse presidencial do ex-militar terá segurança reforçada por terra, água e ar. Festejos têm início às 14h25, quando Bolsonaro chega à Catedral Metropolitana.

 

Em dias diferentes, mensagens sequencias do GSI alertam para os itens proibidos na posse presidencial. Foto: arquivo pessoal.

O 5º presidente eleito pelo voto popular direto pós-redemocratização deve subir a rampa do Palácio do Planalto às 16h20 para receber de Michel Temer a faixa presidencial. De acordo com estimativas do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), são esperadas 500 mil pessoas espalhadas pela Esplanada dos Ministérios.

 

O órgão trabalhou para alertar a população na últimas semana, inclusive por meio de mensagens de textos com instruções para acompanhar a cerimônia de posse. Nela, ao clicar num link, abre-se uma imagem com todos os itens proibidos na Esplanada dia 1º. Deles, alguns causaram mal estar entre os eleitores de Bolso

Bebidas alcoólicas, guarda-chuvas, fogos de artifício, apontadores de laser, animais, sprays, máscaras, produtos inflamáveis, armas de fogo, objetos cortantes, drones e carrinhos de bebê também não poderão entrar no Eixo Monumental na primeira tarde de 2019. Além disso, há a possibilidade de, pela primeira vez desde 1950, o mandatário não desfilar no Rolls-Royce conversível para o cortejo.

A Marinha emitiu comunicado para informar sobre a gestão do Lago Paranoá entre 30 de dezembro e 2 de janeiro. Por toda a Esplanada, na laje dos prédios ministeriais, atiradores de elite estão postados para agir se (ou quando) necessário. 

A cerimônia aberta ao público se encerra às 18h15, com a foto oficial. Depois, o presidente segue ao Itamaraty para receber as autoridades presentes à posse.

Confira o cronograma previsto

14h00 – Bolsonaro sai da Granja do Torto;

14h25 – Chega à Catedral de Brasília, de onde parte para o desfile até o Congresso

14h50 – Chega ao Congresso

15h – Começa a solenidade de posse no plenário da Câmara dos Deputados

16h – Execução do Hino Nacional

16h20 – Deslocamento para Palácio do Planalto

16h30 – Pronunciamento oficial

18h15 – Fotografia Oficial

18h25 – Chegada ao Itamaraty para receber autoridades

31 de dezembro de 2018