Visitas a pacientes com coronavírus estão proibidas

Para evitar a propagação do vírus, Secretaria de Saúde emite portaria com as novas condutas em hospitais e UTIs

Em portaria publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (11), a Secretaria de Saúde proibiu visitas nas unidades de internação e Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) a pacientes diagnosticados com o Covid-19. A medida visa conter a proliferação do coronavírus.

Entre as várias considerações destacadas pela Secretaria de Saúde para a proibição, está a insuficiência de dados científicos  sobre a doença. “Até o momento, não há informação suficiente que defina quantos dias anteriores ao início dos sinais e sintomas uma pessoa infectada passa a transmitir o vírus”, destaca.

Até o momento, dois caso de infecção estão confirmados no Distrito Federal. O primeiro é de uma paciente, que segue há uma semana internado na UTI do Hospital Regional da Asa Norte (Hran), em estado grave.

O segundo é do marido dela, que acompanhava o tratamento da esposa e também foi diagnosticado com a doença.

Segundo a Secretaria de Saúde, o homem “está em bom estado geral e permanece sendo monitorado, em isolamento domiciliar”.

O órgão informa que uma equipe de saúde faz monitoramento diário do novo paciente, e caso apresente algum sintoma ou quadro de desconforto respiratório, será então encaminhado para internação.

Às 11h, haverá uma audiência pública, no Salão Branco do Palácio do Buriti, para esclarecer as dúvidas da população e da imprensa sobre o coronavírus.

 

Com informações da Secretaria de Saúde

11 de março de 2020


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*